Blog
7 Informações sobre a comunicação do inventário à AT que deve saber

Aproxima-se o final do ano, e muitos negócios começam a preparar-se para realizar o seu inventário anual. Independentemente do facto de uma gestão eficiente de inventário aportar inúmeras vantagens para o sucesso de uma atividade, damos-lhe a conhecer 7 informações relevantes para a comunicação do inventário à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT):

Ler mais >

PPR: Só tem 1 dia para poupar no IRS 2015

PPR: Só tem 1 dia para poupar no IRS 2015 O ano de 2015 está quase no fim, mas ainda vai a tempo de tomar algumas decisões de poupança no que diz respeito ao IRS de 2015. Os Planos Poupança Reforma (PPR) voltam a ser, em 2015, uma solução atrativa em termos de deduções fiscais. A dedução corresponde a 20% do valor investido durante 2015 com limite dependente da idade do contribuinte: - Até 35 anos, e para um investimento em PPR de 2.000 €: 400 euros €; - Entre 35 e 50 anos, e para um investimento de 1.750 €: 350 euros €; - Mais de 50 anos, e para um investimento de 1.500 €: 300 €. Tratando-se de um casal, e se cada um realizar um PPR, a dedução é aplicada a cada um, ou seja, duplica esse valor. No entanto, deverá ter sempre em consideração o facto de que essas deduções estão balizadas pelos limites globais de deduções à coleta, conforme explicitamos no quadro abaixo:

Ler mais >

IRS 2015: Validação de despesas no portal e-fatura

Diz a sabedoria popular que não se deve guardar para amanhã aquilo que se pode fazer hoje. E é um ditado que se aplica muito bem no que diz respeito ao IRS de 2015. Isto porque as novas regras impostas pela Reforma do IRS vão exigir da parte dos contribuintes a adoção de novos hábitos para garantir que todas as despesas que fazem são contabilizadas no seu IRS.

Ler mais >

Regime de IVA de Caixa – até 31 de outubro

O Regime de IVA de Caixa é um regime simplificado e facultativo de tributação, nos termos do qual o imposto relativo às operações por ele abrangidas é, por regra, exigível apenas no momento do recebimento total ou parcial do pagamento, evitando assim que a empresa "suporte" o IVA de faturas ainda não pagas pelos clientes.

Ler mais >

Registo dos tempos de trabalho

O registo dos tempos de trabalho é uma das obrigações legais do empregador, prevista no Código do Trabalho (Art. 202º). O registo dos tempos de trabalho é uma base documental que deve detalhar as horas de início e de termo do tempo de trabalho, assim como as interrupções ou intervalos de descanso.

Ler mais >

Senhorios: novas obrigações fiscais começam já em novembro

Pela aprovação das novas obrigações declarativas para titulares de rendimentos prediais prevista na reforma do IRS (Portaria n.º 98-A/2015, de 31 de Março), os senhorios (locadores, sublocadores ou promitentes locadores) passam a ser obrigados a: - Comunicar, por via eletrónica, à Autoridade Tributária e Aduaneira os contratos de arrendamento...

Ler mais >